Documentário do bem: saiba por que assistir Heal na Netflix

Recentemente, a Netflix disponibilizou em seu catálogo o documentário “Heal – O Poder da Mente”. A atração tem levantado questões importantes e se você ainda não viu, vai entender por que assistir Heal na Netflix.

Já há algum tempo, algumas linhas teóricas levam a hipótese de que a nossa mente tem o poder de tratar o ou adoecer o corpo. Fato é que a ciência não é capaz de solucionar todas as doenças e nem de responder algumas curas que contrariam prognósticos.

Se está se perguntando “por que assistir Heal na Netflix?” este artigo vai responder. Você vai entender as razões para incluir o documentário em sua lista de próximas atrações para assistir. Continue a leitura e confira!

Heal – O Poder da Mente

Em quase duas horas, “Heal – O Poder da Mente” reúne diversos profissionais e pacientes com depoimentos sobre a maneira como somos responsáveis por nossa saúde. 

Aparecem explicações de nutricionistas, médicos, químicos, físicos quânticos e diferentes vertentes terapêuticas e da medicina complementar, desde a psicanálise ao reiki, para provar que a mente tem capacidade de curar e adoecer o corpo.

O tema é apresentado por pessoas de renome, como o respeitado guru Deepak Chopra. Conhecido no mundo todo, ele é autor de livros e trabalha com meditações guiadas para auxiliar no controle do poder da mente.

Trata-se de uma abordagem holística embasada cientificamente em uma linguagem simples para atingir todos os públicos. A obra traz uma mensagem inspiradora para quem se preocupa com saúde, bem-estar e longevidade com qualidade de vida.

É um documentário que mostra como aquilo que consumimos, o ambiente que estamos inseridos, as nossas crenças e emoções são capazes de afetar as nossas células e seu funcionamento. Heal tem uma abordagem que mostra como somos responsáveis por aquilo que criamos e destruímos em nosso organismo.

Saúde de forma integrada

O organismo em funcionamento perfeito tem a parte física, emocional e psíquica funcionando em harmonia. A abordagem holística, que busca a saúde de forma integrada, não dissocia os sintomas, entendendo a relação psicossomática. Isso quer dizer que o corpo e a mente atuam de maneira conjunta.

Quando há um desequilíbrio, as doenças se manifestam. Por isso, os males do que sentimos são uma reação do corpo às circunstâncias que nos cercam. E o documentário deixa claro que os problemas que nos afligem são criações de nossa mente, em resposta ao que nosso subconsciente compreende.

Heal mostra que essa abordagem busca o processo de cura pela mudança de padrões de comportamentos, crenças e emoções. Os fatores externos, como uma alimentação adequada, exposição a poluentes e agrotóxicos também têm peso. Por isso, a saúde integrada diz respeito a um equilíbrio de todos os parâmetros.

A saúde ao alcance da mente

“Heal – O Poder da Mente” mostra a importância do paciente aceitar o diagnóstico, mas jamais um prognóstico negativo. O documentário não prega o abandono da medicina tradicional, mas traz reflexões importantes sobre a maneira como podemos lidar com o nosso organismo.

Por meio de todos os depoimentos de especialistas e histórias reais, você vai encontrar inspiração e outro ponto de vista em busca da saúde. A mensagem é que existe uma causa para seu corpo ter adoecido, mas o seu organismo sempre trabalha para que você fique bem.

Até mesmo em casos de danos considerados incuráveis pela medicina ou doenças hereditárias a mente tem poder de transformar a realidade. Algumas das técnicas usadas são meditação e visualização para atingir resultados.

Ficou curioso? Entendeu agora por que assistir Heal na Netflix? Então, compartilhe o artigo em suas redes sociais e aproveite para reunir alguns amigos para assistirem juntos ao documentário.